CREMINHO DE MILHO PARA BEBÊS

Posso garantir que foi aprovação total até para os bebês exigentes.

Precisei de tomate orgânico e sem pele, pimentão, alho, cebola, milho verde e carne moída (de preferência patinho).

Verifique o selo de orgânico antes de comprar.
 

Cebola orgânica:

 

Retirando a pele do tomate, com uma pequena fervurinha em água, a pele soltará facilmente.




Cortei os temperos assim:




A carne moída foi patinho, não pode ser aquela coisa pronta moída que dizem ser carne. Aquilo é resto de gordura, restos de pontas de carne, osso, uma mistura total. O ideal é você pedir patinho e pedir para moer duas vezes.


Não precisa de óleo porque os ingredientes soltam líquido com a fervura que facilitam o cozimento.



Somente quando a carne estiver pronta que debulha o milho com auxílio de uma faca assim



Ficará assim:




Tritura no liquidificador com água, até criar uma consistência de suco










Coando

 

 Mais ainda 
O suco do milho deve ser imediatamente jogado na carne, senão escure logo.
 
Mexe, mexe
Mexe mais com auxílio de uma colher de pau

 

 Apresentarei duas consistências:
A mais cremosinha ideal para bebês sem dentinhos.
Para ficar assim, basta coar para retirar os temperos e a carne.

E a outra apresentação: Mais consistentes para bebês maiores.
Esta receitinha vai receber o cobiçado selo:


Deixe um comentário, mas, please, não vá embora, acesse os links das postagens e encontre uma receitinha bem legal!  Divulgue e divirta-se descomplicando a cozinha!