POR QUE SE RETIRA A PELE DO TOMATE PARA O BEBÊ?

O bebê não come pele do tomate por diversos motivos. Muitos podem dizer que é por conta da acidez ou por causa da desagradável pelinha ao mastigar, contudo o mais importante é pela extrema carga de agrotóxicos contidos na pele do tomate, usados desde o plantio até a colheita. 

Existem centenas de espécies de insetos que atacam o tomateiro como mosca branca, cigarrilhas, besouros e lagartas, além de fungos e bactérias.

Para evitar estes inconvenientes que incomodam os produtores, usa-se demasiados agrotóxicos, o que levou o tomate a ser um dos produtos mais contaminados com aditivos químicos. Imagine esse veneno na comidinha do bebê? Por isso indica-se a retirada da pele do tomate e/ou fazer uso de produtos orgânicos. Podemos encontrar em diversas feiras e supermercados gôndolas específicas com produtos orgânicos e certificados por órgãos fiscalizadores.

Existem várias formas de retirar a pele do tomate, contudo a mais eficaz é esta que aprendi assistindo ao programa "Que Marravilha", com o carismático Chef Claude Troisgros.

1. Faça dois cortes perpendiculares (em formato de "X");
2. Leve ao fogo com água;
3. A pele soltará facilmente;
4. Prontinho, ótimo para preparação de molhos e comidas de bebê. 










Nenhum comentário: